Brescia volta a despedir treinador que regressou após ser demitido já esta época

Brescia volta a despedir treinador que regressou após ser demitido já esta época
Francisco Sebe com Lusa

Eugenio Corini não resistiu aos maus resultados recentes da equipa na Serie A.

O Brescia, 19.º e penúltimo classificado na Liga italiana, despediu esta quarta-feira, pela segunda vez esta época, o treinador Eugenio Corini, dois meses depois de o voltar a chamar.

Corini tinha saído à 11.ª jornada, no início de novembro, substituído por Fabio Grosso, mas voltou a ser chamado depois de o seu sucessor perder os três jogos que disputou nesse mês na Serie A, com Torino, Roma e Atalanta.

O Brescia acabou por voltar a contratar Corini no início de dezembro, com o técnico a vencer os dois primeiros jogos, mas a ter, posteriormente, uma sequência de dois empates e cinco derrotas, a última das quais no sábado, com o Bolonha.

A equipa de Mario Balotelli segue no 19.º e penúltimo lugar, com 15 pontos, os mesmos da SPAL, última classificada.