"Pedi para jogarem como jogam sempre. Íamos mudar para quê?", destaca treinador do Vila Real

"Pedi para jogarem como jogam sempre. Íamos mudar para quê?", destaca treinador do Vila Real

Vila Real foi derrotado pelo FC Porto por 6-0 no jogo da 3ª eliminatória da Taça de Portugal. Patrick Canto, treinador do clube dos distritais, destacou empenho dos jogadores

Análise ao jogo: "Jogámos contra uma excelente equipa e principalmente com a expulsão, as coisas tornaram-se quase impossíveis. Quero realçar a excelente atitude dos meus jogadores. As diferenças são tremendas, mas tentámos jogar, não nos limitámos a perder tempo. A expulsão complicou muito, mas estou satisfeito, estou feliz com os meus jogadores, deram uma boa imagem. Saímos daqui de cabeça erguida e tenho orgulho pela equipa que tenho."

Identidade da equipa: "Pedi à equipa que jogasse como joga sempre. Este jogo seria quase impossível de ganhar, então íamos estar a mudar para quê? É assim que a nossa equipa está trabalhada, a ter bola, a tentar divertir-se, a mostrar algum do nosso talento, da nossa arte. Apesar do resultado acho que conseguimos isso. Os meus jogadores estão de parabéns."