Adrián arrasa em Vila Real e FC Porto segue na Taça com goleada

Adrián arrasa em Vila Real e FC Porto segue na Taça com goleada

FC Porto venceu em Vila Real na terceira eliminatória da Taça de Portugal.

Foi com uma goleada em Vila Real, por 6-0, que o FC Porto carimbou a passagem à quarta eliminatória da Taça de Portugal. E, desde já, há um nome incontornável a destacar: Adrián López. O avançado espanhol foi uma das muitas novidades apresentadas por Sérgio Conceição e não podia ter feito melhor: quatro golos marcados, três deles na primeira parte (fazendo o resultado ao intervalo) e mais um na segunda. Soares, aos 49', e André Pereira, aos 62', também marcaram.

Ainda no que toca a Adrián, apenas tinha um golo apontado de dragão ao peito: foi em 2014, numa goleada por 6-0 ao BATE Borisov. Pouco utilizado esta temporada, já que apenas tinha jogado em duas partidas, somou pontos nas contas do treinador, ainda que perante um frágil adversário dos Distritais e que ficou reduzido a dez elementos ainda antes do intervalo, quando Raul Babo travou Bazoer, que se dirigia para a baliza, e acabou expulso.

Jorge e Bazoer estrearam-se com a camisola da principal equipa do FC Porto, enquanto na baliza Fabiano somou os primeiros minutos da temporada. Relativamente ao clássico, Sérgio Conceição apenas repetiu na equipa inicial a dupla de centrais formada por Felipe e Militão, além de Herrera no meio-campo e Soares na frente de ataque. Segue-se o Lokomotiv, para a fase de grupos da Liga dos Campeões.