Confusão à entrada da porta da maratona no Jamor

Confusão à entrada da porta da maratona no Jamor

A súbita aglomeração de adeptos a menos de meia hora do início do jogo para entrar no estádio e um problema no funcionamento dos torniquetes motivaram momentos de tensão.

A pouco menos de um quarto de hora para o início da final da Taça de Portugal verificou-se grande confusão, e até alguns momentos de pânico, na entrada da porta da maratona, com a aglomeração um elevado número de adeptos, sucedendo-se os empurrões. O contingente policial foi reforçado nesse local, e os agentes ajudaram mesmo a retirar do local mulheres e crianças, face ao congestionamento verificado. Verificaram-se desmaios e algumas pessoas tiveram de receber assistência médica.

Tudo se deveu ao facto de muitos espetadores, embora munidos de bilhete, não se terem dirigido atempadamente aquela entrada e, para complicar mais a situação, alguns torniquetes deixaram de funcionar durante algum tempo.