Rio Ave goleia Oliveirense e está na fase de grupos da Taça da Liga

Rio Ave goleia Oliveirense e está na fase de grupos da Taça da Liga

Os vilacondenses venceram com números expressivos.

O Rio Ave apurou-se para a fase de grupos da Taça da Liga, após uma goleada por 6-1 sobre a Oliveirense, num jogo da segunda fase que dominou, entre equipas com poucas cautelas defensivas.

No primeiro jogo oficial da época 2019/20, os vila-condenses marcaram por Nuno Santos, aos 26 e 57 minutos, Filipe Augusto (31, de penálti), Diego Lopes (42), Mehdi (70) e Tarantini (87), com Bouldini a reduzir para a turma de Oliveira de Azeméis, aos 68.

A formação da II Liga mostrou-se 'atrevida' nos primeiros minutos e ameaçou o golo em remates de Agdon, aos seis minutos, e Miguel Silva, aos sete, mas a equipa de Carlos Carvalhal, sem reforços no 'onze' inicial, recompôs-se desses 'sustos', assumiu o controlo do jogo e, praticamente, resolveu-o nos 20 minutos finais da primeira parte.

Nuno Santos inaugurou o marcador com um remate forte e rasteiro, ao ângulo inferior direito, ao minuto 26, antes de Filipe Augusto converter, aos 31, um penálti a sancionar falta de Sérgio Silva sobre Gabrielzinho, e de Diego Lopes ampliar a vantagem, num lance em que tirou um defesa do caminho e atirou para o fundo da baliza, aos 42.

Os golos continuaram a surgir na segunda parte, com o Rio Ave a chegar ao 4-0, através de um remate de fora da área ao ângulo superior direito, de Nuno Santos.

Bouldini ainda reduziu a diferença, num remate bem colocado à entrada da área, mas os anfitriões voltaram a marcar, por mais duas vezes, com Mehdi e Tarantini a 'encostarem' para a baliza em posição privilegiada. O último já depois de Paraíba, da Oliveirense, ter sido expulso, por protestos, aos 75 minutos.

Jogo no Estádio do Rio Ave, em Vila do Conde.

Rio Ave - Oliveirense, 6-1.

Ao intervalo: 3-0.

Marcadores:

1-0, Nuno Santos, 26 minutos.

2-0, Filipe Augusto, 31 (grande penalidade).

3-0, Diego Lopes, 42.

4-0, Nuno Santos, 57.

4-1, Bouldini, 68.

5-1, Mehdi, 70.

6-1, Tarantini, 87.

- Rio Ave: Paulo Vítor, Júnior Rocha, Messias, Nélson Monte, Matheus Reis, Filipe Augusto, Tarantini, Gabrielzinho (Carlos Mané, 46), Diego Lopes (Ronan, 80), Nuno Santos (Mehdi, 64) e Bruno Moreira.

(Suplentes: Kieszek, Borevkovic, Pedro Amaral, Jambor, Carlos Mané, Ronan e Mehdi).

Treinador: Carlos Carvalhal.

- Oliveirense: Bruno Vale, Alemão, Michael Douglas, Sérgio Silva, Elízio, Filipe Gonçalves (Oliveira, 63), Paraíba, Fabinho, Marcos Júnior (Leandro Silva, 62), Miguel Silva (Bouldini, 46) e Agdon.

(Suplentes: Coelho, Leandro Silva, Wellington, Pedro Ferreira, Oliveira, Serginho e Bouldini).

Treinador: Pedro Miguel.

Árbitro: Hélder Malheiro (Associação de Futebol de Lisboa).

Ação Disciplinar: Cartão amarelo para Filipe Gonçalves (43), Matheus Reis (75) e Ronan (82). Cartão vermelho direto para Paraíba (75). Expulsão de Wellington, no banco de suplentes da Oliveirense (75).

Assistência: cerca de 2.000 espectadores.