Mais uma decisão nos penáltis e o Covilhã elimina o Varzim

Mais uma decisão nos penáltis e o Covilhã elimina o Varzim

Covilhã e Varzim empataram a zero golos no fim do tempo regulamentar.

O Covilhã segue para a segunda fase da Taça da Liga, depois de vencer este domingo o Varzim por 3-1, nas grandes penalidades, após um nulo no fim do tempo regulamentar.

Na marca dos 11 metros, o lesionado Carlos Henriques defendeu o remate de Baba Sow, quando Luís Pedro já tinha atirado por cima e Stanley acertado na barra e, no penálti decisivo, Bonani atirou certeiro, num encontro em que os anfitriões atuaram desde os 68 minutos em inferioridade numérica devido à expulsão de Jaime Simões.

O Covilhã vai agora defrontar o Famalicão na segunda fase da prova, a 3 de agosto.

Jogo no Estádio Santos Pinto, na Covilhã.

Sporting da Covilhã - Varzim: 0-0 (3-1 gp).

Desempate por grandes penalidades:

0-1, Alan Henrique.

1-1, Daniel Martins.

1-1, Luís Pedro (atirou por cima).

1-1, Gilberto (Isma defendeu).

1-1, Stanley (acertou na barra).

2-1, Adriano.

1-2, Baba Sow (Carlos Henriques defendeu).

3-1, Bonani.

Equipas:

Covilhã: Bruno Bolas (Carlos Henrique, 18), Tiago Moreira, Brendon, Jaime Simões, Daniel Martins, Filipe Cardoso, Gilberto, Leandro Pimenta (Jean Batista, 46), Santiago da Silva (Bonani, 66), Adriano, Kukula.

Suplentes: Carlos Henriques, Joel Vital, Daffé, Zarabi, Guilherme Rodrigues, Jean Batista, João Bonani.

Treinador: Ricardo Soares.

Varzim: Isma, Amorim, Henrique, Luís Pedro, Cerveira, Pavlovsky, Filipe Augusto (George Ofoso, 77), Rui Moreira (Ricardo Barros, 72), Rui Coentrão (Baba Sow, 59), Minhoca, Stanley.

Suplentes: Serginho, Baba Sow, George Ofoso, Zé Diogo, Ricardo Barros, Gonçalo, Pedro Ferreira.

Treinador: Paulo Alves.

Árbitro: Miguel Nogueira (AF Lisboa).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Jaime Simões (48 e 68), Stanley (79). Cartão vermelho por acumulação de amarelos para Jaime Simões (68).

Assistência: Cerca de 400 pessoas.