Leixões entrou melhor, mas é o Marítimo que segue em frente na Taça da Liga

Leixões entrou melhor, mas é o Marítimo que segue em frente na Taça da Liga

A formação de Matosinhos começou a vencer, mas os maritimistas deram a volta.

O Marítimo apurou-se para a fase de grupos da Taça da Liga, ao vencer por 2-1 na visita ao Leixões, em jogo da segunda fase.

O guarda-redes Charles repartiu o protagonismo com Harramiz na fase inicial da partida, primeiro ao deixar passar entre as pernas o desvio de cabeça do são-tomense, no dia em que faz 29 anos, antes de, aos 25 minutos, defender o penálti cobrado por Braga a castigar derrube seu ao avançado.

Nesse lance, um pontapé de 30 metros de Bura deixara Harramiz na cara de Charles, a quem fez um chapéu que Kerkez, em cima do risco de baliza, desviou para a trave, acabando o árbitro por assinalar o derrube do guardião da equipa insular.

Negado o 2-0, Correa tratou de empatar a partida três minutos depois, num remate à entrada da área, que fez a bola entrar junto ao poste esquerdo, surgindo a reviravolta em cima do intervalo quando mais uma investida do lateral Nanu acabou na cabeça de Jhon Cley.

Numa segunda parte em que na fase final os dois guarda-redes brilharam, Charles carimbou a passagem no minuto 90+6, negando com uma grande defesa o empate a Bura, na cobrança de um livre direto.

Jogo no Estádio do Mar, em Matosinhos.

Leixões - Marítimo, 1-2.

Ao intervalo: 1-2.

Marcadores:

1-0, Harramiz, 14 minutos.

1-1, Correa, 28.

1-2, Jhon Cley, 45.

Equipas:

- Leixões: Ivo, Rui Silva, Bura, João Pedro (Paná, 85), Derick, Amine (Zé Paulo, 77), Luís Silva, Braga, João Graça (Alan Júnior, 58), João Rodrigues e Harramiz.

(Suplentes: Fábio Matos, Paná, Alan Júnior, Zé Paulo, Pedrinho, Pedro Monteiro e Franco).

Treinador: Carlos Pinto.

- Marítimo: Charles, Nanu, Zainadine, Karkez, Rúben Ferreira, Bambock, Vukovic (Marcelinho, 88), Correa, Jhon Cley (René Santos, 68), Edgar Costa (Erivaldo, 70) e Getterson.

(Suplentes: Abdezadeh, Lucas Africo, Rodrigo Pinho, Barrera, Erivaldo, René Santos e Marcelinho).

Treinador: Nuno Manta Santos.

Árbitro: Artur Soares Dias (AF Porto).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Derick (08), Charles (25), Vukovic (34), João Rodrigues (52) e Rui Silva (60). Cartão vermelho para Carlos Pinto, treinador do Leixões (90+1).

Assistência: Cerca de 1.000 espectadores.