Relatórios de árbitros públicos e vídeo-árbitro já para a próxima época

Relatórios de árbitros públicos e vídeo-árbitro já para a próxima época

Fernando Gomes aposta na transparência para tornar o futebol mais forte em Portugal

As eleições são a 4 de junho e Fernando Gomes já aponta ao futuro. O único candidato à presidência da FPF apresentou um programa com 100 promessas a cumprir nos próximos quatro anos e muitas estão relacionadas com a arbitragem. "Há que rever o modelo de observação de arbitragem. E publicar os relatórios dos árbitros logo após a cada jornada."

Quanto ao vídeo árbitro, Fernando Gomes prometeu avanços já para o início da próxima época. "Queremos implementar, a título experimental, o vídeo árbitro já na Supertaça e depois nos jogos da Taça de Portugal, a partir dos quartos-de-final."

No âmbito da promessa da transparência, defendeu ainda a publicação de todas as transações de jogadores, com intermediários e montantes envolvidos, e prometeu que acórdãos dos órgãos disciplinares da Federação passem a cumprir prazos e limites legais.