Premium "Grandes a falar de árbitros? Tão ridículo que dá vontade de rir..."

"Grandes a falar de árbitros? Tão ridículo que dá vontade de rir..."

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Pedro Marques Costa

ENTREVISTA - Pepa, um dia depois de deixar o comando técnico do Tondela, falou abertamente com O JOGO sobre a época finda, a sua passagem pelo emblema beirão e o estado do futebol em Portugal

Por entre críticas aos "espanhóis" que compraram a SAD, Pepa revelou que esteve para sair do Tondela a meio de janeiro. Ficou pelos jogadores e não se arrepende da decisão que tomou... Aos 38 anos, voltou a ser o treinador mais novo da I Liga. Mais uma vez, cumpriu os objetivos e agora aponta a outros voos.

Os primeiros 30 minutos do jogo com o Chaves foram os melhores da sua carreira?
- Com a maior eficácia foram de certeza [risos]. Foram incríveis, de uma grande qualidade, intensidade, alma, e de uma procura constante pelo golo que contagiou tudo e todos. Este jogo vai ser recordado para sempre. Parece que fizemos de propósito e deixámos o melhor para o fim. É, sem dúvida, um dos jogos mais marcantes do campeonato. Foi brilhante.