"Fui ao balneário dos árbitros explicar uma expulsão"

"Fui ao balneário dos árbitros explicar uma expulsão"

Sara Granja, jogadora do Futebol Benfica, equipa sobre a qual O JOGO publica esta sexta-feira uma reportagem, partilhou um momento hilariante da sua carreira.

Campeã nacional em 2016/17 ao serviço do Sporting, Sara Granja prepara-se para a segunda época no Futebol Benfica, o popular Fofó, e em conversa com O JOGO revelou um momento hilariante quando representava o Albergaria. "Tinha sido expulsa num jogo do campeonato e apanhei um encontro de suspensão, mas como na Associação de Futebol de Aveiro há a Taça de Aveiro, cumpri castigo nessa prova, mas ninguém soube. Então, no jogo contra o A-dos -Francos, uma jogadora delas foi falar com a árbitra sobre a minha expulsão e disse-lhe que não poderia jogar. Fui chamada ao balneário dos árbitros e a árbitra questionou-me sobre isso mesmo. O que estava ali a fazer? Ri-me da situação e expliquei o sucedido. Foi engraçado", conta a médio que vê Mara Vieira como treinadora de referência e a que mais marcou o seu percurso.

"Foi minha treinadora no Feirense e passados três anos contactou-me para o projeto AC Milan. Estava a representar o Albergaria, mas decidi não aceitar. Passado um ano, iniciou o projeto em Valadares, voltou a contatar-me e aceitei.
É uma excelente treinadora. Sempre adotou uma maneira de jogar diferente e a que mais me cativa. Ela seguia e segue a Periodização Táctica do professor Vítor Frade", disse.