Fernando Gomes pede meios para o combate à violência

Fernando Gomes pede meios para o combate à violência
Rodrigo Cortez

Presidente da FPF discursou numa audição pública na Assembleia da República.

O presidente da FPF, Fernando Gomes, sublinhou esta terça-feira a importância de um acompanhamento eficaz ao novo órgão de combate à violência no desporto, a recém criada Autoridade para a Prevenção e Combate à Violência no Desporto (APCVD).

"Este é o início de um ciclo que precisa da colaboração de todos, desde o Governo, aos agentes desportivos, passando pelas autoridades", declarou Gomes, reiterando depois "a importância de traduzir para a vida real o texto normativo".

Em discurso proferido numa audição pública a decorrer na Assembleia da República, relativa às alterações legislativas na área desportiva, o líder federativo acrescentou: "É crucial que esta nova Autoridade seja dotada de recursos materiais e humanos."

A APCVD deverá contar com um quadro de 20 funcionários e ficar sedeada em Viseu, numa perspetiva da transferência de serviços públicos para o interior. Será dirigida por Rodrigo Cavaleiro, oficial da Polícia de Segurança Pública (PSP).