Federações pedem atenção ao limite de idade no torneio olímpico de futebol

Federações pedem atenção ao limite de idade no torneio olímpico de futebol
Redação com Lusa

"Seria muito injusto vetar jogadores que passam a ter um ano mais e chegam aos 24 anos", disse Luís Rubiales, presidente da RFEF.

As federações de futebol esperam que o Comité Olímpico Internacional (COI) e a FIFA tenham atenção à regra da idade, evitando prejudicar os futebolistas que eram elegíveis e com o adiamento dos Jogos Olímpicos deixam de o ser.

"Seria muito injusto vetar jogadores que passam a ter um ano mais e chegam aos 24 anos. Não sei que sensibilidade terá o Comité Olímpico Internacional, mas se um jogador tinha direito a participar será lógico que se crie uma exceção", considerou o presidente da Real Federação Espanhola, Luís Rubiales.

Uma situação que preocupa igualmente a Federação australiana, cuja seleção é uma das 14 já apuradas e que tem seis jogadores que participaram na qualificação e que no próximo ano já terão ultrapassado o limite de idade permitido.

O diretor do Comité Olímpico australiano, Matt Carroll, quer, juntamente com o diretor executivo da Federação, James Johnson, levar a questão à FIFA e à Federação Asiática de Futebol, com a proposta de um limite de idade aos 24 anos nos Jogos Olímpicos em 2021.

"Isto asseguraria que os jogadores que ajudaram os respetivos países a qualificarem-se, mas que no próximo ano seriam inelegíveis, devido à restrição na idade, tivessem a oportunidade de cumprir o sonho de representarem as suas seleções e serem atletas olímpicos", frisou James Johnson.

Na terça-feira, o Comité Organizador dos Jogos de Tóquio'2020 e o Comité Olímpico Internacional anunciaram o adiamento do maior evento desportivo mundial, que deveria decorrer entre 24 de julho e 09 de agosto, devido à crise sanitária que se vive no mundo, com a pandemia Covid-19.

"Nas presentes circunstâncias e baseado nas informações dadas hoje pela Organização Mundial de Saúde, o presidente do COI [Thomas Bach] e o primeiro-ministro do Japão [Shinzo Abe] concluíram que os Jogos da XXXII Olimpíada em Tóquio devem ser remarcados para uma dar posterior a 2020 e nunca depois do verão de 2021", assinalaram os dois organismos.

O torneio olímpico de futebol de Tóquio'2020 deveria decorrer entre 23 de julho e 08 de agosto e só faltava apurar dois países da zona da CONCACAF.

O organizador Japão tem lugar garantido no torneio, para o qual estão apurados ainda França, Alemanha, Espanha, Roménia, Nova Zelândia, Costa do Marfim, Egito, África do Sul, Arábia Saudita, Coreia do Sul, Austrália, Brasil e Argentina.