Caso Santa Clara: Conselho de Disciplina confirma açorianos na I Liga

Caso Santa Clara: Conselho de Disciplina confirma açorianos na I Liga
Carlos Pereira Santos

O recurso do União da Madeira foi considerado improcedente

O Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) confirmou a participação do Santa Clara na I Liga, depois de ter considerado o recurso do União da Madeira improcedente. Desta forma, os madeirenses vão disputar o Campeonato de Portugal, ao passo que o Académico de Viseu continuará na II Liga.

O recurso teve por base o jogo da 25.ª jornada da II Liga, que o Santa Clara venceu no terreno do União da Madeira, por 1-0, e que, de acordo com o CD, "em caso de provimento do recurso pode resultar a atribuição de três pontos à recorrente" o que, em todo o rigor, a colocaria fora da zona de despromoção.

O União da Madeira participou do emblema recém-promovido ao principal escalão do futebol português, alegando que o Santa Clara não inscreveu, pelo menos, dois sub-23 nos jogos com Gil Vicente, Varzim e União da Madeira.

Além disso, contestou ainda a inscrição por parte dos açorianos de um jogador a mais na ficha técnica na visita à Madeira e de não ter, desde fevereiro último, pelo menos, cinco sub-23 no plantel.

Ficou provado que os jogadores do Santa Clara estavam mal inscritos, mas o CD da FPF teve outra interpretação, decidindo pela confirmação da participação do emblema açoriano na I Liga.