Plantel do Pinhalnovense ainda não recebeu esta época e ameaça falhar próximo jogo

Plantel do Pinhalnovense ainda não recebeu esta época e ameaça falhar próximo jogo
Hélio Nascimento 

Tópicos

Nem um cêntimo foi pago desde o início da época e são dois jogadores que tratam da rouparia...

O plantel do Pinhalnovense equaciona não comparecer ao jogo da próxima jornada, em Lagos, contra o Esperança, uma vez que todo o plantel e restante staff não recebeu um cêntimo desde que começou a época.

A situação é insustentável e atingiu um ponto de rutura esta semana: a equipa apenas hoje deve treinar e não há dinheiro para transporte e outras necessidades básicas. Aliás, só com a boa vontade dos técnicos e de mais duas pessoas amigas - incluindo o presidente do clube, António Sousa - tem sido possível alimentar alguns jogadores e suportar despesas, por mínimas que sejam, como as refeições quando os jogos são fora.

O grupo tem cerca de uma dezena de africanos e brasileiros e são estes os mais atingidos, já que não têm a família por perto.

Paradoxalmente, a equipa lidera a série F do Campeonato de Portugal e está a realizar uma excelente campanha, apesar de abandonada pela SAD, cujo responsável e líder, Leonardo Barros, parece ter desistido do projeto. Se não surgir, rapidamente, um novo investidor, não há condições para continuar.

Acrescente-se que o Pinhalnovense não tem roupeiro há mais de um mês e são dois jovens jogadores que tratam agora da rouparia...