Lusitano Vildemoinhos em destaque: a vitória chegou um ano depois

Lusitano Vildemoinhos em destaque: a vitória chegou um ano depois

Longa série negativa de resultados prolongava-se desde a época passada. Beirões já não são últimos.

Sem vencer há 365 dias (!), desde que derrotou o Ginásio Figueirense na edição anterior da competição, a 10 de janeiro de 2020, o Lusitano Vildemoinhos voltou a sorrir ao estrear-se, no passado domingo, a vencer nesta época, diante do Espinho (2-0), que apresentava Bruno China como treinador.

A pontaria afinada de Raphael Almeida e de Anael Ipemboussou, em jogo da 11.ª jornada da Série E, permitiu, também, ascender ao penúltimo lugar, com cinco pontos somados.

Para Calico, capitão da equipa dos gladiadores da Beira Alta, a primeira vitória pecou por tardia. "A sensação foi de justiça, pois já era merecida. Os dois pontos que tínhamos não refletiam a nossa qualidade e criou-se uma corrente negativa da qual não nos conseguíamos soltar", explicou o defesa de 33 anos, que apelou a um grupo "que nunca deitou a toalha ao chão" um foco coletivo vincado. "Devemos ter os pés assentes no chão porque há muito, muito para fazer."

A receção ao Espinho ficou igualmente marcada pela primeira vitória do treinador Paulo Meneses no Lusitano Vildemoinhos, cuja equipa assumiu na ronda prévia, substituindo Rogério Sousa. O técnico, que considerou ter respondido ao "melhor desafio que podia aparecer", face ao longo calvário dos viseenses, descrito como reflexo de uma "questão emocional e não metodológica", admitiu pragmatismo neste momento. "Prefiro um futebol atrativo, mas não podemos dar primazia à qualidade de jogo, mas sim aos pontos", justificou o timoneiro.

Essa linha prática traçada por Paulo Meneses conduz à meta a ser alcançada pela equipa viseense. "Queremos ir rapidamente para um lugar confortável e fugir à despromoção", indicou o treinador.
Esta quarta-feira há nova oportunidade para pontuar, contra o último classificado, o Vila Cortez.

Jogador

Hélder Rodrigues
Idade: 31 anos
Posição: Avançado

Opção inicial nos 12 jogos disputados pela equipa, é um dos melhores marcadores, com dois golos, e uma referência. O camisola 10 ingressou no clube na época 15/16 e tem 52 tentos em 171 desafios.

Treinador

Paulo Meneses
Idade: 42 anos

A carreira teve início em 2011, como observador. Desempenhou o cargo na estrutura da seleção espanhola, entre 2012 a 2014, que era liderada por Vicente del Bosque. Enquanto técnico, orientou o campeão indiano Aizawl e o Ideal.