Sanjoanense ataca época com plantel cuja média de idades é os 22 anos

Sanjoanense ataca época com plantel cuja média de idades é os 22 anos

Técnico ainda conta receber mais "duas ou três" soluções para a linha da frente.

A Sanjoanense vai para a quinta temporada consecutiva no Campeonato de Portugal e o clube parece definitivamente ter afastado os anos de sobe e desce que se verificaram entre 2010 e 2014. Sérgio Machado foi o escolhido pela SAD para orientar os alvinegros e em São João da Madeira pensa-se em criar uma base, para mais tarde a projetar para outros patamares.

"A SAD propôs-me reformular o plantel, valorizar jovens jogadores e preparar o clube para no futuro atacar outro tipo de voos. Quanto mais cedo isso puder acontecer, melhor", explica o técnico de 38 anos, que vai fazer a estreia no Campeonato de Portugal depois de duas épocas no Rio Tinto (AF Porto) e uma no Esmoriz (AF Aveiro). "Treinar no CdP era um objetivo que eu ambicionava. Cheguei na altura certa", explica.

Sérgio Machado chegou a ser anunciado na Sanjoanense em 2017/18, mas a experiência durou pouco mais de uma semana. "Na altura fui completamente sincero com o presidente. Disse que o clube estava com algumas dificuldades e as coisas não estavam como eu queria. Agora, a Sanjoanense é SAD e o projeto da sociedade é muito idêntico ao que penso para mim próprio", justificou. O plantel ainda necessita de mais "dois ou três" jogadores para a frente. Ontem foi dia de apresentação frente aos sub-23 do Benfica, partida ganha pelas águias por 3-1.