Rui Duarte: "O futebol tem destas coisas..."

Rui Duarte: "O futebol tem destas coisas..."

Treinador do Farense comenta derrota por 2-1 frente ao Mafra, na final do Campeonato de Portugal.

O Farense perdeu por 2-1 frente ao Mafra na final do Campeonato de Portugal, disputada no Jamor. "É difícil. Tivemos uma entrada muito forte no jogo, a mandar, a contrariar aquilo que sabíamos que o Mafra era forte. Chegámos à vantagem com todo o mérito. Não nos retraímos, tentámos fazer o segundo golo. Eles têm uma boa equipa com um estilo particular e isso não nos incomodou, mas obrigou-nos a correr bastante. Estávamos preparados para isso. O futebol tem destas coisas. Podíamos ter feito o segundo golo e matado o jogo e sofremos no último lance. Sim é injusto [o resultado]. Nunca nos retraímos, apensar de estarmos a ganhar. Continuámos à procura do golo, sabíamos que tínhamos de fazer o segundo. Era o plano traçado e continuámos em cima. Fomos penalizados numa situação que já não esperávamos", afirmou o treinador Rui Duarte.

"Tínhamos o propósito de acabar a ganhar. Fazia todo o sentido nas nossas cabeças acabar com uma vitória e um título. O objetivo foi conseguido, uma época fantástica, faltou a vitória final. Tenho a certeza de que esta derrota não nos vai matar. O clube está a crescer e a dar a volta. Há uma onda positiva em Faro, as pessoas estão com a equipa e depois desta tristeza temos de nos unir e preparar o que aí vem, que é duro", continuou, falando depois da despedida de Neca.

"É um momento difícil na vida dele pela carreira que fez. É um jogador fantástico. Há jogadores eternos e, pelo que fez e representa, é uma tristeza acabar. Vai-lhe faltar o jogo e o treino, mas sente-se feliz pela carreira que fez. Ele deu muito ao futebol. É uma grande referência", elogiou.

- Neca (Jogador do Farense): "É um momento difícil para mim, depois de 20 de carreira gostaria de ter sido campeão neste último jogo. Não consegui, mas estou orgulho da carreira que fiz, do nosso grupo. Fizemos um campeonato excelente e eliminatórias muito boas. Não conseguimos ganhar, mas temos que dar os parabéns ao Mafra.

Tive alguns [momentos], mas a ida a seleção nacional fica sempre gravada na memória. destaco também a minha estreia pelo Belenenses frente ao FC Porto. Agora vamos de férias, assentar as ideias e pensar no futuro.

Foi uma vida ligada ao futebol. Já me preparei para isso e vou continuar ligado. Vamos conversar nas próximas semanas e ver se há interesse do Farense para que continue ligado [noutras funções]. Só posso agradecer às pessoas que me convidaram mesmo com uma idade avançada para subir de divisão".