FPF não irá colmatar desistência do Armacenenses no Campeonato de Portugal

FPF não irá colmatar desistência do Armacenenses no Campeonato de Portugal
Redação com Lusa

Tópicos

A Série H do Campeonato de Portugal vai arrancar no domingo com apenas 11 clubes.

A Série H do Campeonato de Portugal vai arrancar no domingo com apenas 11 clubes, já que a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) decidiu não colmatar a vaga deixada em aberto devido à desistência do Armacenenses.

"A opinião do nosso departamento jurídico era diferente, mas a FPF entende que não pode haver a substituição de um clube que tenha informado a sua não participação depois do sorteio. Por isso, a vaga não irá ser preenchida. Cabe-nos respeitar a decisão", explicou à agência Lusa Reinaldo Teixeira, presidente da Associação de Futebol do Algarve.

As oito séries do terceiro escalão foram sorteadas em 04 de setembro, poucas horas antes de o emblema de Armação de Pera ter comunicado a desistência da época futebolística 2020/21, motivada pela "imprevisibilidade da duração e consequências" da pandemia de covid-19, que aporta "graves repercussões sociais e económicas".

A AF Algarve indicou como alternativa o FC Ferreiras, terceiro classificado da última edição da I Divisão distrital à data da interrupção das competições, atrás do Moncarapachense, que subiu ao Campeonato de Portugal, e do Louletano B, que "se mostrou disponível e aceitou o convite com rapidez", mas continuará no futebol regional.

Na sexta-feira, a secção não profissional do Conselho de Disciplina da FPF multou o Armacenenses em 612 euros por ter anunciado a sua desistência após o sorteio do Campeonato de Portugal, medida partilhada por Desportivo de Chaves Satélite e Ginásio Figueirense dois dias antes do evento e que significou coimas de 510 euros para ambos.

Os três clubes foram banidos das competições organizadas pela Federação Portuguesa de Futebol durante uma temporada, quando faltam seis dias para que 95 clubes arranquem à porta fechada o terceiro escalão nacional.