Rei das subidas já abriu o livro no Feirense

Rei das subidas já abriu o livro no Feirense
André Bastos

Tópicos

Christian foi o herói diante do Chaves, ao marcar de livre, num lance que Manuel Machado aponta como "uma das suas armas"

Christian foi o herói na segunda vitória do Feirense no campeonato, diante do Chaves (1-0), ao marcar, aos 12", o golo decisivo na conversão de um livre direto, naquela que é uma das suas especialidades, segundo Manuel Machado, que o orientou no Nacional em 2014/15. "Em termos técnicos, o Christian é um 8 que pode fazer a posição 6. É muito robusto e forte atleticamente. Não é um jogador que tenha um raio de ação muito largo, mas compensa a falta de mobilidade e condução de bola com a qualidade de passe e os lançamentos longos, sendo também muito forte a finalizar algumas jogadas, através da meia distância", começou por destacar o seu antigo treinador, realçando que "as bolas paradas são uma das suas armas, tal como os remates de longe".

Procurando um termo de comparação, o treinador entende que "há poucos jogadores em Portugal com essa capacidade", apontando, "assim de repente", os nomes de "Bruno Fernandes [Sporting] e Rafael Costa [Boavista]", e acrescentando que a entrada do brasileiro no plantel de Filipe Martins foi uma das melhores contratações do Feirense, até porque o atleta de 30 anos chegou à Feira com duas subidas consecutivas no currículo: primeiro pelo Nacional e na época anterior pelo Paços de Ferreira. "O Christian tem uma vasta experiência e um carácter de grande tranquilidade dentro e fora de campo", explicou.