Bruno Saraiva sucede a Bruno Baltazar no Olhanense

Bruno Saraiva sucede a Bruno Baltazar no Olhanense

O treinador Bruno Baltazar rescindiu o contrato que o ligava ao Olhanense e a SAD escolheu Bruno Saraiva para lhe suceder. O técnico orientou a equipa em 14 jogos e deixa-a no último lugar da II Liga. Bruno Saraiva, 42 anos, é um velho conhecido do clube algarvio

O Olhanense, último classificado da II Liga, anunciou hoje o regresso de Bruno Saraiva ao comando técnico, substituindo Bruno Baltazar no cargo. "A Olhanense SAD informa que Bruno Baltazar e o adjunto Guilherme Ramos apresentaram, ao final do dia de ontem [segunda-feira], o pedido de rescisão contratual. A administração atendeu ao pedido e agradece a dedicação e profissionalismo demonstrado", revelou a SAD, em comunicado divulgado no seu sítio oficial.

Bruno Baltazar chegou em outubro, para substituir o italiano Cristiano Bacci, e teve impacto positivo nos primeiros jogos - três vitórias e três empates -, mas seguiu-se um ciclo negativo de oito jogos sem ganhar que culminou no empate caseiro de domingo com o FC Porto B (2-2).

Após o final da partida, o técnico admitiu que as suas forças estavam a "esgotar-se" e abriu a possibilidade de saída, hoje confirmada oficialmente.

Também noutro comunicado divulgado hoje, a SAD algarvia confirmou a entrada imediata do novo técnico, definindo Bruno Saraiva como "um profundo conhecedor da realidade olhanense".

Bruno Saraiva, 42 anos, ex-jogador do clube, já tinha orientado o Olhanense nos últimos três encontros da temporada 2012/13, então na I Liga, assegurando a permanência com quatro pontos, depois de uma vitória sobre o Rio Ave (1-0) e um empate com o Marítimo (0-0). Depois, o treinador passou por Fátima, Louletano e Almancilense, todos do Campeonato de Portugal, mas nunca concluiu qualquer dessas etapas.

O novo técnico do Olhanense, que terá como adjunto Bruno Romão, orientará o seu primeiro treino esta tarde, às 16h15, preparando a estreia no banco, no domingo, em Fafe, em jogo da 26.ª jornada.