Mumin: "Evoluí mais no posicionamento e tenho a agradecer ao treinador"

Mumin: "Evoluí mais no posicionamento e tenho a agradecer ao treinador"

O central ganês do V. Guimarães reconhece ter mudado em Portugal e só pensa em bater o Farense no regresso ao D. Afonso Henriques

A projetar a receção ao Farense, deste sábado, Abdul Mumin deu conta de um Vitória motivado e decidido a reencontrar-se com as vitórias, depois do empate em Moreira de Cónegos. "Estamos a trabalhar bem, a preparar o jogo do próximo fim de semana e queremos voltar às vitórias já com o Farense. Nesta Liga, não podemos subvalorizar qualquer equipa. Tudo pode acontecer, é muito equilibrada, não podemos menosprezar ninguém. Cabe-nos estar preparados e prontos para este jogo", assinalou à comunicação do clube.

A dupla com Jorge Fernandes: "Gosto de jogar com ele, ele é boa pessoa e é, também, um bom jogador. Tem sido bom, acho que as nossas ações no relvado falam mais alto do que o que poderia dizer mas gosto de jogar com ele. Ele é um jogador que comunica muito, é bom ter jogadores com características diferentes pois é isso que faz uma boa equipa".

O compatriota Gideon Mensah: "É muito bom ter outro ganês a jogar ali ao meu lado, é mais fácil e rápido de comunicar com ele pois falamos no nosso dialeto local. Não quer dizer que não compreenda o português mas acho que é mais fácil e já temos uma boa ligação e compreensão pois conseguimos falar mais rapidamente no relvado".

Mudança: "Acho que evoluí mais no posicionamento, o entendimento e os aspetos táticos do jogo, assim como o meu trabalho defensivo que melhorou bastante. Só tenho a agradecer ao treinador e à equipa técnica, que têm-me ajudado muito, respondem às minhas dúvidas e mostram-me a melhor forma de abordar cada lance. Continuarei a trabalhar para evoluir".

Adaptação: "Está a correr muito bem e de certa forma lenta porque o meu grande foco tem sido na adaptação aos meus colegas e à equipa. Ainda não tive grande oportunidade para explorar a cidade, espero que num futuro próximo o consiga fazer. Acho que o país é fantástico, boa comida, bom tempo comparado com a Dinamarca, onde jogava, estou a gostar bastante. O tempo é melhor do que esperava. Está muito frio mas não é tão frio como na Dinamarca".