Davidson de saída para o futebol turco

Davidson de saída para o futebol turco

transferência do atacante, a um ano do termo do contrato, poderá ser oficializada muito em breve. Tal como O JOGO noticiou, há uma contrapartida financeira para a SAD vimaranense

Depois de cinco temporadas em Portugal, o extremo brasileiro Davidson está de partida para a Superliga da Turquia, onde o espera um contrato de três temporadas com o Alanyaspor. O acordo prevê uma compensação para a SAD do Vitória de Guimarães, tal como O JOGO ontem noticiou, uma vez que o atacante estava vinculado aos vimaranenses até 2022.

Aos 29 anos, Davidson despede-se do futebol português, onde começou por jogar no segundo escalão, no Covilhã. Daí, mudou-se para o Chaves e foi no D. Afonso Henriques que, nas duas últimas épocas, conseguiu os melhores resultados a nível individual: em ambas marcou dez golos e foi de uma grande regularidade, traduzida em 39 presenças na equipa, em 2018/19 e em 44 na longa e atípica temporada que se estendeu até julho, devido ao surto pandémico de covid-19. A oficialização da transferência de Davidson para o Alanyaspor estará para muito breve. Ontem, foi dia de aquele clube turco apresentar o novo treinador, Çagdas Atan, a quem foi confiada a liderança do quinto classificado da última temporada e cujo primeiro desafio será a fase de acesso à Liga Europa. No plantel, Davidson terá com quem falar em português: o guarda-redes Marafona foi o titular da baliza, na época passada.

A liga da Turquia poderá ser, também, o destino de Pedro Henrique, o capitão de equipa do Vitória de Guimarães. Com a equipa em fase de renovação, designadamente, no sector defensivo, o central deverá render-se a um dos vários clubes que há vários meses o seguem. De saída está também outro nome titular da defesa do Vitória de Guimarães, Florent. França será, ao que tudo indica, o destino do jogador, que tem Amiens e Paris FC entre os interessados.