"Temos de tratar de não tropeçarmos mais de duas vezes na mesma pedra"

"Temos de tratar de não tropeçarmos mais de duas vezes na mesma pedra"
Redação com Lusa

Tópicos

Treinador do Tondela quer evitar "os mesmos erros" na receção ao Estoril.

O treinador do Tondela, Pako Ayestarán, disse querer evitar que os seus jogadores "tropecem mais de duas vezes na mesma pedra", antecipando a receção ao Estoril Praia, em jogo da quinta jornada da Liga Bwin.

"Os erros que aconteceram no Benfica [derrota por 2-1, na quarta jornada] tinham sido trabalhados nessa semana e, apesar de tudo, voltámos a cometê-los. Os erros estão trabalhados, mas os jogadores são humanos e temos de tratar de não tropeçarmos mais de duas vezes na mesma pedra", admitiu o técnico da equipa beirã.

Em conferência de imprensa de antevisão à receção do Estoril Praia, na segunda-feira, às 21:15, o treinador espanhol contou que a sua equipa "tem demonstrado nível" nos jogos e quer que assim continue, mas também pretende "não cometer os mesmos erros que estão a penalizar" os resultados.

"Não pensamos que as derrotas foram factos de sorte, porque a sorte existe, mas não é o mais importante (...). Sabemos que nos momentos-chave do jogo estivemos à altura e cometemos erros que não tínhamos que cometer, mas também sabemos que em todos os jogos podemos sacar algo e temos oportunidades", acrescentou.

Pako Ayestarán não poupou elogios ao adversário, apesar de ter desvalorizado a posição na tabela classificativa que ocupa, a quarta, por considerar que "até à 10.ª jornada é tudo muito instável", mesmo reconhecendo que "gostava de estar na terceira posição".

"As motivações de todas as equipas é ganharem todos os jogos e também sabemos que para ganhar o jogo temos é de ter o rendimento no dia. Esperamos ter rendimento amanhã [segunda-feira]", desejou.

O técnico defendeu que quando os jogadores acreditam no que fazem, "é sempre muito importante e acabam por ser equipas que são difíceis de bater", como é o caso do Estoril Praia.

"É uma equipa que vem com uma tendência positiva, desde o ano passado, mantém o bloco mais importante do plantel e o estilo de jogo. É uma equipa muito bem trabalhada, com os processos [defensivos e ofensivos] bem definidos e, sobretudo, acreditam no que fazem", definiu.

Entre os seus jogadores, disse que "todos os 25 são opção" para enfrentar o Estoril Praia e até admitiu que a convocatória já está feita, apesar de não a revelar e assinalou que "há jogadores que gostaria de ter" entre os escolhidos, "mas não há lugar para todos".

"Isso é bom, porque aumenta a competitividade no grupo e eles sabem que todos são importantes e que vão ter o seu momento, têm é de estar todos preparados", avisou Pako Ayestarán.

O Tondela, que está na 14ª posição da tabela classificativa, com três pontos, recebe no Estádio João Cardoso o Estoril Praia, que está em quarto lugar, com 10 pontos, com arbitragem de Cláudio Pereira, da Associação de Futebol de Aveiro.