"Protestar? Nós somos tão bons, tão boa gente, que não reagimos dessa forma"

"Protestar? Nós somos tão bons, tão boa gente, que não reagimos dessa forma"
Redação com Lusa

Tópicos

Natxo González assumiu que o Tondela tem de "competir melhor" e os jogadores têm de ser "mais agressivos, no bom sentido, perante os erros cometidos" por terceiros.

O treinador do Tondela, Natxo González, admitiu que o desafio com o Portimonense é um "jogo de necessidade para ambas" as equipas, que precisam de conquistar os três pontos na 19.ª jornada da I Liga.

"O Portimonense é uma equipa muito necessitada, também, é um jogo de necessidade para ambas as partes e é importante a nível emocional. A partir deste momento, em que começou a segunda volta, os pontos vão tendo mais importância", defendeu Natxo González.

Em conferência de imprensa de antevisão para o jogo de sábado, pelas 15:30, no Estádio Municipal de Portimão, o técnico espanhol acrescentou que "para jogos deste calibre", frente a uma equipa que está na zona de despromoção, "o aspeto emocional é muito importante".

Natxo González admitiu os "erros cometidos" na última jornada, frente ao Vitória de Setúbal, em casa, que custaram a derrota por 3-0, assumindo que o Tondela tem de "competir melhor" e os jogadores têm de ser "mais agressivos, no bom sentido, perante os erros cometidos" por terceiros.

O técnico auriverde referia-se ao primeiro golo do Vitória de Setúbal, "feito com base numa suposta falta a Pité" e a equipa não protestou e, no seu entender, "uma outra equipa, perante um golo destes, com base numa suposta falta" tê-lo-ia feito de forma veemente.

"Nós somos tão bons, tão boa gente, que não reagimos dessa forma e aí temos de ser um pouco mais competitivos, temos de competir melhor, não permitir que nos façam isso e, se fizerem, temos de morder, sem ser mal interpretado", considerou.

Neste sentido, o treinador disse que o Tondela "não pode perder a sua identidade" e tem de "ser compacto, consistente, intenso e agressivo" e reforçou que "o objetivo da equipa é de permanecer na I Liga".

A um dia do fecho do mercado de inverno, Natxo González admitiu a possibilidade do novo reforço Ricardo Valente já poder jogar frente ao Portimonense, mas disse acreditar que o Tondela ainda possa receber "mais um reforço".

O Tondela, 11.º classificado, com 20 pontos, visita o Portimonense, na 17.ª posição e penúltima, com 14, no sábado, a partir das 15:30, em jogo da 19.ª jornada da I Liga de futebol.