Negócio Wendel conhece entraves: o ponto da situação

Negócio Wendel conhece entraves: o ponto da situação
Rui Miguel Gomes

Tópicos

Juristas do Fluminense desconfiam da participação do Deportivo Maldonado e da proveniência do dinheiro

A conclusão do processo negocial em torno da aquisição de Wendel por parte do Sporting não está fácil, pois, segundo O JOGO apurou, os advogados do Fluminense têm colocado entraves aos moldes que estão definidos no acordo prévio entre quase todos os intervenientes na transferência. Em causa, de acordo com informações recolhidas pelo nosso jornal, está o facto de os causídicos estarem a levantar dúvidas em termos jurídicos, sobretudo, face à intervenção do Deportivo Maldonado na operação e, consequentemente, a respeito da proveniência do dinheiro.

É que para os advogados do Fluminense não é claro em termos legais os moldes do negócio que o Sporting e a Stellar Group pretendem fazer, uma vez que Wendel será adquirido por 8,8 milhões de euros, sem contabilizar comissões, pagos pelo Deportivo Maldonado - formação da segunda divisão uruguaia que assegura os direitos federativos do atleta -, rubricando um acordo com o médio válido por cinco temporadas. Posteriormente, o Deportivo Maldonado cede os direitos federativos em forma de cedência por empréstimo durante dois anos e meio, a troco de uma verba que está a ser acordada com o Sporting. Ora, perante estes dados, e fruto da regulamentação a respeito da partilha de passes que foi alterada pela FIFA, os causídicos do Fluminense estão a colocar reservas antes da conclusão do acordo, o que tem motivado contactos constantes entre as partes no sentido de desbloquear os obstáculos jurídicos, que estão a atrasar a viagem de Wendel para Portugal.

Entretanto, enquanto não há fumo branco entre Fluminense, Stellar Group e Sporting, os russos do CSKA de Moscovo estão na expectativa de entrar num negócio que desejavam ter concretizado. Apurou O JOGO que o CSKA de Moscovo melhorou a sua oferta pelo médio, colocando em cima da mesa oito milhões de euros por 80% dos direitos económicos do jogador, depois de uma primeira oferta de seis milhões de euros por idêntica percentagem do passe. O facto de o jogador ter demonstrado algum receio em torno de uma mudança para a Rússia jogou e joga a favor do Sporting em todo o processo, ainda que a proposta salarial do CSKA de Moscovo seja naturalmente apelativa. Aliás, os dirigentes do emblema moscovita já deixaram claro que estão na disposição de avançar com nove milhões de euros para assegurar Wendel, superando ligeiramente os leões. O Fluminense enfrenta problemas de tesouraria.