Sporting sofre segunda maior goleada caseira na Europa

Sporting sofre segunda maior goleada caseira na Europa
Redação com Lusa

Tópicos

Desaire por 1-5 com o Ajax deixou marca na história leonina

O Sporting sofreu, esta quarta-feira, a segunda derrota caseira mais pesada da sua história europeia, face ao Ajax (1-5), logo a seguir ao desaire pesado com o Bayern Munique, por 0-5, na época 2008/2009.

Há 12 anos, na única vez que lograram ultrapassar a fase de grupos, os verde e brancos foram goleados em casa por 0-5 pelos bávaros, a 25 de fevereiro de 2009, e, em Munique, a 10 de março, o reultado foi ainda mais pesado, por 7-1.

Depois desse duelo, os leões nunca mais voltaram a sofrer cinco golos num jogo, o que voltou a acontecer hoje, muito por culpa do marfinense Sébastien Haller, autor de quatro golos, e do brasileiro Antony, autor de três assistências.

Os piores resultados do Sporting depois do "pesadelo" bávaro tinham acontecido nas duas últimas temporadas, com dois desaires por 4-1, o primeiro no reduto do Basaksehir, após prolongamento, na segunda mão dos 16 avos de final da Liga Europa de 2019/20. Na época passada, já sob o comando de Rúben Amorim, os leões perderam em casa pelo mesmo resultado face aos austríacos do LASK Linz, resultado que ditou o afastamento da fase de grupos da segunda competição da UEFA, numa mão única.

Em casa, e além do 0-5 com o Bayern de 2008/09, o Sporting só havia sofrido cinco golos uma vez, e nessa mesma época, quando, na fase de grupos da Champions, caiu por 2-5 na receção ao FC Barcelona, que se viria a sagrar campeão europeu.