Sporting reage à transferência de Rafael Leão para o Milan

Sporting reage à transferência de Rafael Leão para o Milan

Clube de Alvalade garante que "continuará a lutar por fazer valer os seus direitos nas instâncias competentes".

O Sporting emitiu esta quinta-feira um comunicado sobre a transferência de Rafael Leão para o Milan.

Os leões referem que continuam "a considerar que ao jogador não assistia razão para resolver o contrato" com a SAD verde e branca e asseguram que vão continuar "a lutar por fazer valer os seus direitos nas instâncias competentes, junto da FIFA, onde reclamará do Lille a compensação devida pelos direitos desportivos do jogador de que se viu ilicitamente privada, cujo valor é ilustrado pela transferência agora anunciada". O valor do negócio não foi oficialmente confirmado, mas a imprensa internacional aponta uma verba a rondar os 35 milhões de euros.

A terminar, o Sporting acrescenta que "tudo fará para que os infractores não sejam beneficiados".

Rafael Leão rescindiu com o Sporting após a invasão à Academia de Alcochete, em maio de 2018, rumando ao Lille, de França.

Leia o comunicado do Sporting na íntegra:

"Em face da notícia da transferência do jogador Rafael Leão do Lille OSC para o AC Milan, a Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD esclarece o seguinte:

1. Que continua a considerar que ao jogador Rafael Leão não assistia razão para resolver o contrato de trabalho desportivo que o ligava à Sporting CP - Futebol, SAD;

2. Que continuará a lutar por fazer valer os seus direitos nas instâncias competentes e, sobretudo, junto da FIFA, onde reclamará do Lille OSC a compensação devida pelos direitos desportivos do jogador de que se viu ilicitamente privada, cujo valor é ilustrado pela transferência agora anunciada,

3. E que tudo fará para que os infractores não sejam beneficiados, como mandam as regras do jogo e da ética na relação entre Clubes."