Sporting nega ter sugerido a Ansu Fati uma vaga nos juvenis

Sporting nega ter sugerido a Ansu Fati uma vaga nos juvenis

Clube leonino entendeu esclarecer notícias sobre o extremo de 16 anos que está a causar sensação do Barcelona

O Sporting nega que tenha sugerido aos responsáveis pela carreira de Ansu Fati, extremo de 16 anos do Barcelona, o seu recrutamento para os juvenis do clube.

Em nota enviada a O JOGO, o clube começa por afirmar ser da sua responsabilidade "esclarecer algumas inverdades sobre as última notícias relacionadas com o jogador Ansu Fati". E faz notar: "Basta analisar a nossa política, no que aos vários escalões da formação diz respeito, para perceber que nenhum dos nossos jogadores está espartilhado por idades".

"Dizer-se que o jogador ficaria nos juvenis é não conhecer a atual realidade da nossa formação. Há jogadores de 16 nos sub-23 ou de 18 na nossa equipa A. Mas também é preciso fazer bem as contas, o jogador nunca poderia ser recrutado para os juvenis, pois não tem idade para isso, visto que nasceu em 2002, idade que corresponde ao escalão de sub19", refere a nota.

Da mesma forma, os leões afirmam que "o recrutamento do Sporting não só identificou o potencial do jogador, que hoje todos reconhecem, como foi capaz que o motivar a vir a Alcochete reunir com os nossos responsáveis, coisa que muitos outros clubes tentaram, mas não conseguiram. Sabíamos que o processo de renovação com o Barcelona não estava bem encaminhado e iniciamos o nosso trabalho".

"Estas são apenas alguns pontos que temos o dever de salientar para que se perceba, ao contrário do que se possa querer passar, que o nosso recrutamento funciona. Infelizmente nem sempre se consegue assegura todos os bons jogadores que prontamente identificámos até porque não nos podemos esquecer da nossa capacidade financeira e dos valores astronómicos que já se praticam nos escalões de formação", conclui.

Com apenas 16 anos de idade, Ansu Fati, nascido na Guiné-Bissau, ontem nacionalizado espanhol, e que esteve no radar da Seleção portuguesa - mas considerado inelegível conforme os critérios FIFA - é considerado a estrela do momento em Espanha, ao serviço do Barcelona.