Rúben Amorim não quis sair do Sporting para treinar o Leipzig, diz jornalista italiano

Rúben Amorim não quis sair do Sporting para treinar o Leipzig, diz jornalista italiano

Fabrizio Romano, jornalista especializado no mercado de transferências, adianta que Rúben Amorim não quis deixar o Sporting para ser treinador do Leipzig.

O Leipzig continua à procura de treinador depois da saída de Jesse Marsch e Rúben Amorim esteve entre as opções para o cargo, segundo Fabrizio Romano, jornalista italiano especializado no mercado de transferências. O técnico português não quis sair do Sporting para se aventurar no campeonato alemão, diz a mesma fonte.

Além de Rúben Amorim, Roger Schmidt, técnico do PSV, também terá recusado mudar-se para o Leipzig, que tem agora Domenico Tedesco como opção mais forte para suceder a Jesse Marsch.

Tedesco, de 36 anos, está em clube desde que deixou o Spartak Moscovo - agora orientado por Rui Vitória - no final da temporada passada.