Rodagem a Paulinho para os jogos a doer

Rodagem a Paulinho para os jogos a doer
Rafael Toucedo

Tópicos

Amorim quer o 21 em forma contra Dortmund e Benfica. Vai ganhar ritmo hoje e provavelmente descansar com o Tondela para estar no dérbi

Rúben Amorim continua a ter plena confiança em Paulinho e é com ele em campo que desenha o seu melhor onze, pelo que a gestão da condição física do avançado e do seu registo de disciplina na Liga Bwin são factores a ter em conta no plano que o técnico desenhou para a sua utilização neste ciclo de jogos que hoje se inicia, frente ao Varzim. Esperava-se que Tiago Tomás fosse o nove dos leões esta noite, como sucedeu contra Os Belenenses na anterior ronda da Taça de Portugal em que o técnico deu minutos aos menos utilizados, mas, ao que O JOGO apurou, será mesmo o ex-Braga a ir a jogo de início, para ganhar rodagem para os jogos a doer que se avizinham, nomeadamente contra Dortmund e Benfica.

Dado não ter sido chamado por Fernando Santos para os desafios da Seleção Nacional, Paulinho não compete desde dia 7 deste mês, contra o Paços de Ferreira. Assim, o camisola 21 vai esta noite a jogo contra os poveiros para ganhar ritmo e para estar no seu melhor daqui a uma semana contra o Dortmund (quarta-feira dia 24), uma partida decisiva nas contas do apuramento para a fase seguinte da Liga dos Campeões.

Segue-se o Tondela, na Liga Bwin (dia 28), onde o técnico enfrenta o dilema de utilizar o atacante provocando-lhe desgaste e arriscando a suspensão para a jornada seguinte da prova, contra o Benfica na Luz (dia 3 de dezembro), caso veja um cartão amarelo. É que em apenas 11 participações no campeonato, Paulinho soma já quatro amarelos e está à bica, sendo que ainda há um ano o técnico já teve a experiência de arriscar em situação semelhante um jogador influente antes do dérbi, João Palhinha, e este foi mesmo amarelado: só ficou disponível para defrontar o rival por recurso aos tribunais.

Por último, e daí a importância do descanso - ou menor utilização - contra o Tondela, a seguir ao Benfica há ainda o Ajax (dia 7) em curto espaço de tempo. Ainda não se sabe se a partida será decisiva, mas certo é que tem peso financeiramente para o clube, além do prestígio.

Com Tabata e Jovane nas alas a acompanhar Paulinho no trio de ataque, Tiago Tomás terá de esperar...