Rescisões recuam e transferências avançam se Bruno de Carvalho sair

Rescisões recuam e transferências avançam se Bruno de Carvalho sair
Manuel Casaca

Tópicos

Decisão tomada pelos jogadores, que não querem que o Sporting saia prejudicado da situação.

Rui Patrício e Daniel Podence apresentaram esta sexta-feira as respetivas cartas de rescisão à SAD do Sporting, mas podem recuar na decisão se, nos próximos sete dias, Bruno de Carvalho deixar a liderança do clube de Alvalade.

Nesse caso, os dois jogadores e os restantes elementos do plantel que ponderam avançar com a rescisão unilateral manter-se-ão ligados ao Sporting, com os processos de negociação das suas transferências a serem retomados.

No que diz respeito a Rui Patrício, e caso Bruno de Carvalho abandone o clube, será retomado o contacto com o Wolverhampton, de Inglaterra, estando garantida a entrada de 18 milhões de euros nos cofres leoninos, como ficou inicialmente estipulado entre todas as partes.

Podence também estava a ser negociado e, recuando na decisão de rescindir, poderá ser transferido, com o Sporting a assegurar o respetivo encaixe.

NOTÍCIA DESENVOLVIDA NAS EDIÇÕES IMPRESSA E E-PAPER DE SÁBADO