Regresso de Plata à equipa principal do Sporting ganhou força

Regresso de Plata à equipa principal do Sporting ganhou força
Rui Miguel Gomes

Tópicos

Extremo aceitou jogar pela equipa B frente ao Fontinhas, no Campeonato de Portugal, o que agradou à estrutura leonina.

Gonzalo Plata deu, no domingo, mais um passo no sentido da reintegração na equipa principal do Sporting, depois de ter aceitado jogar oficialmente pela equipa B no encontro do Campeonato de Portugal frente ao Fontinhas, nos Açores.

O extremo mostrou-se disponível para o fazer, sem fazer valer o seu estatuto de internacional regular pela seleção principal do Equador, facto que foi entendido de forma muito positiva em Alvalade pela estrutura do futebol profissional, em particular Rúben Amorim, que, depois de ter ficado desagradado com os desempenhos deste nos treinos, resolveu despromovê-lo para a formação comandada por Filipe Çelikkaya.

Utilizado durante 89 minutos, Gonzalo Plata mostrou-se comprometido, algo que nos últimos dias de mercado não terá mesmo acontecido perante as propostas para a cedência por empréstimo que o jogador teve, concretamente do Cádiz, de Espanha.

Aliás, o próprio Rúben Amorim esclareceu mesmo que o jogador tinha sido afetado pela especulação em torno da eventual saída em janeiro último, cenário que era desejado pelo próprio de modo a poder jogar com a regularidade que ainda não encontrou em Alvalade com o técnico. Os responsáveis leoninos, esses, estavam apenas disponíveis para uma cedência por empréstimo ao Rio Ave, depois do emblema de Vila do Conde ter solicitado isso mesmo como compensação para libertar Matheus Reis, mas o camisola 20 dos leões recusou essa possibilidade. Tal não foi do agrado da estrutura do futebol profissional, nem de Rúben Amorim, o qual resolveu penalizar o atleta.

Gonzalo Plata, na presente temporada, conta com 11 desafios pela equipa principal dos leões, nos quais somou 342 minutos de utilização, sem ter conseguido qualquer golo.