O que disse Octávio Machado sobre o assédio a Rui Patrício

O que disse Octávio Machado sobre o assédio a Rui Patrício

O antigo dirigente do Sporting garantiu que houve uma investida do Benfica para desviar o guarda-redes para a Luz

Octávio Machado foi claro nas afirmações feitas em redor de Rui Patrício, garantindo que o guarda-redes do Sporting tinha sido assediado pelo Benfica. "A informação que eu tenho é que o assédio foi feito e que o Rui disse que não - e muito bem", declarou o antigo quadro dos leões à CMTV.

"Sei que houve uma tentativa de saber se essa possibilidade era viável e o Rui respondeu negativamente. Ponto. E acho até normal, porque o Benfica anda à procura de um guarda-redes. Lembramo-nos do Carrillo, que estava a negociar um contrato com o Sporting e o Benfica intrometeu-se, dentro da lei e dos timings, mas já havia negociações antes", prosseguiu.

"Nem é surpresa nenhuma essa tentativa. O Benfica precisa de guarda-redes; que melhor guarda-redes poderia o Benfica contratar nesta altura e dar uma machada no seu rival. Era até normal", reconheceu.

A terminar, Otávio Machado explicou as razões que terão levado Rui Patrício a desviar-se da investida do Benfica: "O Rui Patrício tem 17 anos de Sporting. Se juntarmos os 13 do Podence, são 30 anos que estes jogadores representaram o Sporting. O Rui Patrício nunca quis fazer as coisas, deixando qualquer mal-estar na família sportinguista. A carta de rescisão não foi feita num dia. Já estava feita. Ele esperou pelas negociações, ele deu a oportunidade de sair pela maneira limpa".

Estas declarações originaram então uma reação do clube leonino. "A Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD vai avançar com uma ação em tribunal, e também com uma participação à FIFA, contra a Sport Lisboa e Benfica, SAD, devido ao assédio ilegal e contra todas as normas em vigor, feito a jogadores do Sporting CP, acção essa que foi confirmada na noite de ontem por Octávio Machado, que, por manifesto e evidente conhecimento dos factos, será por nós arrolado como testemunha".

O Benfica responde com uma queixa-crime.