Jorge Jesus: "Puseram-nos muitas pedras na estrada"

Jorge Jesus: "Puseram-nos muitas pedras na estrada"

Treinador do Sporting considera que os leões foram afastados da luta pelo título ainda no primeiro terço do campeonato e falou sobre o horário do jogo com o Belenenses, no domingo (11h45).

Estádio de Alvalade lotado: "Começando por aí, pode ser um bom sinal, a essa hora o jogo pode trazer mais espetadores ao estádio. É o dia da mãe e, portanto, isso vem acrescentar algo ao sentimento e à emoção e trazer mais famílias ao jogo. Também se prende com o facto de o Sporting estar a jogar um futebol agradável. O nosso objetivo está longe, mas as pessoas continuam a acreditar no futuro do Sporting".

Antevisão do duelo com o Belenenses: "É um dérbi de Lisboa, não contam só os jogos com o Benfica. A classificação [do Belenenses] não condiz com o valor do clube e dos seus jogadores. Não deixa de ser um dérbi de Lisboa. Vai ser equilibrado, como no ano passado. Vai ser um jogo apaixonado. No dia da mãe, com duas equipas de Lisboa e, com o estádio lotado, ainda melhor. Está tudo reunido para um bom espetáculo".

Motivação de jogar com um grande: "Os resultados definem o quadro de uma equipa, mas também é verdade que quando se joga com um grande a classificação não se faz sentir. Os jogadores do Belenenses vão jogar tranquilos, confiantes, supermotivados e de certeza que vão render muito mais do que aquilo que renderam contra o Paços de Ferreira. Tudo isto permite que os jogadores das equipas mais pequenas consigam suplantar-se e aumentar a qualidade do jogo".

Luta pelo título: "Já falei desta época do Sporting, principalmente do primeiro terço do campeonato. É muito importante não perder o pelotão da frente, mas perdemos porque nos empurraram. Se fosse numa etapa de ciclismo, diria que nos puseram muitas pedras na estrada. Fomos obrigados a percorrer um caminho do qual não conseguimos recuperar".

Contratação de André Pinto: "Não é importante para mim, é importante para o Sporting. O meu presidente achou que era o melhor para o Sporting neste momento. Há relações muito boas entre o Sporting e o Braga e, portanto, as coisas foram facilitadas. O André estava a trabalhar com a equipa B, com um problema físico... O Sporting achou por bem que ele viesse mais cedo para se adaptar ao que é o Sporting. O Sporting não é o Braga, com todo o respeito. Isto é andar à frente em relação ao que é o futuro. Por isso tomámos essa opção".

Horário do jogo: "É o primeiro jogo, uma nova experiência para todos nós. Em relação ao comportamento e adaptação ao esforço não é muito significativo, uma vez que os jogadores treinam a essa hora, comem de forma adequada a essa hora. Muda alguma coisa? Muda. Se calhar o estágio, as palestras, os horários... Fisiologicamente, não muda nada".