Raphinha: "A camisola pesa um pouco mais..."

Raphinha: "A camisola pesa um pouco mais..."
Duarte Tornesi

Reforço do Sporting, depois de brilhar com a camisola do Vitória de Guimarães, Raphinha quer agarrar a oportunidade nos leões. Esta sexta-feira falou aos jornalistas e abordou os primeiros tempos no clube.

A adaptação - "A adaptação nem sempre é tão fácil assim, mas estou a trabalhar no entendimento com o grupo de trabalho. Estava muito ansioso pela estreia, como qualquer um que chega no grande clube, mas acredito que foi muito positiva. Espero melhorar a cada dia. Fico muito agradecido por ver mensagens a felicitarem-me. Isso motiva-me muito, pois estou sempre à procura de dar o meu melhor. Sempre procurei dar-me bem com os colegas. Toda a gente me recebeu muito bem no balneário. O mister tem vindo a trabalhar para que todos se entendam bem dentro do campo"

Peso da camisola - "No Vitória havia uma exigência muito grande ao nível dos adeptos. Aqui não é diferente, mas a camisola pesa um pouco mais. Quero estar sempre no meu melhor para dar alegrias a todos".

José Peseiro - "Trabalhei três ou quatro meses com o mister [em Guimarães], mas quando começa uma nova época toda os jogadores partem de uma posição semelhante na luta por um lugar. O Peseiro pede muita luta, entrega e dedicação. Temos de jogar em prol do grupo e dar o máximo a cada jogo".

Nani - "É muito bom concorrer com jogadores de grande qualidade. O Nani é um dos melhores jogadores com quem eu joguei. É uma luta saudável que vai beneficiar o grupo todo".

Posição - "Para mim é indiferente jogar à esquerda ou à direita. O importante é ajudar a equipa".

Vitórias - "Estamos a trabalhar muito forte para termos bons resultados em todas as competições. Temos condições para chegar a alto nível na estreia. Nós estamos a trabalhar para ganhar sempre".