Petrovic "inclina-se" para o eixo defensivo em Oleiros

Petrovic "inclina-se" para o eixo defensivo em Oleiros
Rui Miguel Gomes

Tópicos

Tobias Figueiredo e Coates estão indisponíveis e Mathieu deve ser poupado, pelo que a opção técnica deverá recair no internacional sérvio.

Radosav Petrovic vai, ao que tudo indica, alinhar de início ao lado de André Pinto na equipa que enfrentará hoje o Oleiros. Jorge Jesus tinha a adaptação em mente como uma das possibilidades em cima da mesa, uma vez que está privado do lesionado Tobias Figueiredo - contraiu uma entorse na região da tibiotársica da perna direita -, e de Coates, devido ao regresso dos compromissos da seleção uruguaia em cima do desafio de hoje. A prudência desaconselha que Mathieu, com problemas crónicos no tendão de Aquiles, vá a jogo num sintético, mas ainda assim testou Kiki Kouyaté no decurso da semana. O teste não terá convencido o treinador, que prefere, como deu conta ontem na conferência de Imprensa de antevisão do desafio, apostar no recuo de Petrovic para defesa-central, do que optar por um atleta da equipa secundária. E mesmo tal opção esteve sempre condicionada devido às chamadas de Ivanildo Fernandes e Demiral às seleções de sub-21 de Portugal e Turquia, respetivamente.

Ainda assim, Jorge Jesus convocou o primeiro que chegou a Lisboa, concretamente o turco Demiral, que aterrou às 11h00. "Temos dois jovens, Ivanildo Fernandes e Demiral, que estiveram nas seleções nacionais. Não queremos correr riscos com os dois. Mas um deles, o Demiral está convocado. A utilização do Petrovic como defesa-central é uma possibilidade, estou mais inclinado para ele, pois já conhece muito melhor as ideias da equipa", destacou Jorge Jesus.

Petrovic, recorde-se, já foi utilizado por Jorge Jesus como defesa-central num encontro de pré-temporada, então frente ao Vitória de Guimarães, inserido num esquema de três centrais, em desafio que terminou com uma derrota por 3-0. O internacional sérvio, que na época passada representou durante seis meses o Rio Ave, cedido por empréstimo, deixará assim vaga em aberto para a entrada de João Palhinha como médio-defensivo. Ambos têm alternado de posto nas convocatórias e raras vezes são opção.