Keizer: o sistema, os olhos postos em Bruno e a cartada decisiva em Villarreal

Keizer: o sistema, os olhos postos em Bruno e a cartada decisiva em Villarreal

Treinador do Sporting anteviu o jogo decisivo frente ao Villarreal, que os leões começam em desvantagem

Primeira mão: "Depois da desilusão do último jogo frente ao Villarreal, temos que marcar. Não será fácil, mas sabemos o que temos de fazer. É óbvio e os jogadores sabem o que têm de fazer amanhã".

Novo sistema: "Começámos com um sistema que nos deu muitas vitórias, mas as coisas começaram a correr mal. Temos de avaliar a frescura e os jogadores que estão disponíveis para ver se podemos usar novamente o sistema usado frente ao Braga. Com todos os jogos que temos, é difícil implementar este sistema, porque há pouco tempo entre os jogos. A frescura e mentalidade dos jogadores são muito importantes".

Muitos não entenderam a tática do Sporting, o que podemos esperar? "Acho que a imprensa portuguesa percebe bem as táticas usadas. Amanhã vamos ver... A tática surgiu com uma coisa em mente, os jogadores. Muito mais importantes do que a tática que escolho para os jogos são os jogadores. A tática foi também escolhida porque os jogadores precisavam de descansar devido ao calendário apertado".

Bruno Fernandes: "É claro que vemos os elogios. Todos os olhos estão postos no Bruno Fernandes porque tem jogado muito bem, mas não é só ele quem merece elogios, mas sim toda a equipa".

Villarreal: "Temos muito respeito pelo Villarreal. Fizeram um bom resultado contra nós, contra o Sevilha... Conseguem atacar bem mas também defender, o que complica as coisas para nós. Temos de tentar fazer o que temos a fazer para dar a volta à eliminatória".

Importância deste jogo para o resto da época: "Muito importante, tal como todos os outros. Somos uma equipa grande que tem de vencer todos os jogos. Queremos chegar à próxima ronda da Liga Europa, queremos chegar à final da Taça de Portugal... Todos os jogos são importantes".