Jorge Jesus: "Alan Ruiz? Não vou responder ao pai de ninguém"

Jorge Jesus: "Alan Ruiz? Não vou responder ao pai de ninguém"

O treinador do Sporting não se alongou em comentários sobre a situação de Alan Ruiz, mas garantiu que continua a acreditar no avançado argentino.

Estratégia para o Rio Ave: "Para cada jogo, nós, treinadores, temos as nossas estratégias, analisamos os adversários, a nossa equipa e tentamos montar uma estratégia de jogo em função de vários fatores. Em termos técnicos e táticos. Falando em estratégia, não se pode dizer claramente o que se vai fazer. As estratégias passam pelos jogadores. O Podence jogou muito bem neste jogo que fez com o Chaves, garantiu principalmente a opção que lhe dei para me transmitir que está aqui e é mais um jogador para acrescentar qualidade ao plantel. Cada jogo tem a sua história e amanhã vamos ver qual é a estratégia que vamos lançar no jogo. Não posso dizer se o Daniel [Podence] joga ou não de início".

Sobre Alan Ruiz: "Tem estado lesionado, lesionou-se no final do campeonato, em Braga, uma lesão grave, três meses praticamente sem competir e agora teve mais esta lesão. Acredito nele como no dia em que o vi jogar e pedi à SAD para o contratar. Não vou responder ao pai de nenhum jogador, nem ao pai do Alan Ruiz, nem de nenhum jogador. Nunca tive um jogador que tivesse um contrato em que dissesse que tinha de jogar. A partir desse momento, 'xau'".

Ausências de Bruno Teles e Francisco Geraldes no Rio Ave: "Não conheço assim com tanto pormenor a equipa do Rio Ave. Conheço o seu plantel. Agora, o que é um facto é que esses dois têm jogado quase sempre, porque o treinador acredita no rendimento deles, mas isso é um problema do treinador do Rio Ave, não é meu. Tentarei explorar ao máximo todas as dificuldades que possam ter".