"Jogámos com três titulares da época passada", lembra José Peseiro

"Jogámos com três titulares da época passada", lembra José Peseiro

Treinador do Sporting destacou importância da vitória e falou das novas dinâmicas da equipa

Análise: "Foi uma vitória Justa. A primeira foi muito boa. Entrámos bem no jogo, pressionamos, criámos situações de golo. O Marítimo é uma equipa boa, reagiu e criou-nos ocasiões de golo. Na segunda parte, não jogando tão bem, permitimos ao marítimo algum controlo de jogo com bola, mas não nos criou situações de golo e nós criamos mais três ou quatro. Podíamos ter feito mais um dois golos. O Marítimo esteve em cima, com posse de bola, mas não de oportunidades de golo."

Sofreu no banco: "Sofri no banco porque temos jovens que gostam muito da vertigem do jogo, de acelerar, transitar para o ataque, de agredir muito o espaço do adversário. Mas há momentos em que é preciso ter mais bola, descansar com bola. Faltou-nos isso. Foi essa pureza de jogar. A vontade deles é atacar a baliza e é bom para espetáculo, mas pode não ser bom para nós. Divide a equipa e deixa o adversário em superioridade numérica."

Nani: "Nunca nos vamos queixar nos ausentes. Nunca nos queixámos até hoje dos lesionados. É bom lembrar que equipa faz-se de tempo. Jogámos com três titulares da época passada. Vencemos 2-0 uma equipa que tinham os mesmos pontos que nós. Mostrámos união. Estamos unidos."

Aproximação ao Benfica antes de um Clássico: "O importante é vencer. Temos de lutar sempre para vencer. Vinhamos de uma derrota e tínhamos de ganhar. Ganhámos bem. Os três pontos são o mais importante, mais que pensar no que os adversários podem fazer."