Jogadores não querem jogar final da Taça e recusam falar com Bruno de Carvalho

Jogadores não querem jogar final da Taça e recusam falar com Bruno de Carvalho

Primeira reação dos jogadores foi recusar disputar a final da Taça de Portugal. Bruno de Carvalho e André Geraldes estão em Alcochete

A primeira reação dos jogadores do Sporting, logo após as agressões de que foram vítimas, foi clara: não estão mais reunidas as condições para jogarem a final da Taça de Portugal com o Aves, no domingo. Os atletas consideram mesmo que o que sucedeu esta terça-feira foi premeditado e que por isso não se sentem protegidos por ninguém. Aliás, neste momento apenas deixarão a academia leonina com proteção policial.

Fechados no balneário de Alcochete, segundo apurou O JOGO, o plantel recusa-se a conversar com Bruno de Carvalho, que está em Alcochete desde as 18h40 e alguns jogadores já contactaram os respetivos empresários para perceber qual a moldura legal que possa permitir a rescisão contratual.