Imprensa francesa diz que Rúben Amorim é "prioridade" no PSG

Imprensa francesa diz que Rúben Amorim é "prioridade" no PSG

Jornal "Le Parisien" escreve que Luís Campos irá assumir a política desportiva do clube e tem o técnico português na lista.

Rúben Amorim é apontado esta segunda-feira como "uma prioridade" no PSG, de modo a assumir o cargo de Mauricio Pochettino, que está de saída do clube. Segundo escreve o "Le Parisien", o atual treinador do Sporting está na linha da frente para assumir o cargo, escolha de Luís Campos, mencionado pela publicação como "o futuro responsável pela política desportiva" do campeão francês.

Amorim, 37 anos, tem contrato com os leões válido até 2024, com uma cláusula de rescisão de 30 milhões de euros. É assim mais um nome apontado ao banco do PSG, numa lista onde tem pontificado Zidane. O francês, segundo algumas informações tornadas públicas, estará também a considerar a possibilidade de assumir a seleção francesa, caso Didier Deschamps deixe o cargo após o Mundial do Catar.

Antonio Conte, Thiago Motta, Joachim Low, Christophe Galtier e Sérgio Conceição foram outros nomes já avançados pela imprensa internacional como possibilidades.