Fome de títulos deixa Ekdal mais perto do Sporting

Fome de títulos deixa Ekdal mais perto do Sporting
Bruno Fernandes

Tópicos

Representantes trabalham para dar ao sueco um futuro noutro patamar competitivo. Hamburgo compreende decisão do médio e não se vai opor caso chegue oferta convincente.

Lutar por títulos e ter a possibilidade de se mostrar nas provas da UEFA. Estes são os dois grandes objetivos estabelecidos por Albin Ekdal para o seu futuro. Segundo O JOGO apurou, o médio do Hamburgo que está em análise por parte da SAD do Sporting para reforçar o plantel, em janeiro, já informou os seus representantes de que deseja deixar a Alemanha, onde por agora - e à imagem do que aconteceu durante toda a última época - luta para não descer de divisão.

Aos 28 anos e após passagens por Siena, Bolonha, Cagliari e, agora, Hamburgo (na Juventus realizou apenas quatro jogos em duas épocas distintas), o internacional sueco ambiciona um desafio que o coloque verdadeiramente à prova e que o ajude a demonstrar, por exemplo, o porquê de ter despertado o interesse precisamente dos bianconeri, em 2008, quando vestia as cores do Brommapojkarna, clube que o lançou para o futebol.

Jorge Andrade, internacional português já retirado, agora com 39 anos, relembra essa aposta do emblema de Turim, que na altura ainda se levantava da descida de divisão, na sequência do caso "Calcio Caos". "Lembro-me que era um jovem muito promissor que veio ajudar a Juventus, pouco tempo depois de ter subido à Serie A", vincou a O JOGO, assumindo que, apesar de "lhe ter perdido o rasto", não se esquece do jovem que só não conseguiu brilhar no gigante italiano por estar "tapado por grandes jogadores, como era o caso do Tiago", outro internacional português que também já se retirou.

Intenção facilita processo

Caso o Sporting avance para a contratação do médio sueco, este já está pronto a dialogar: Ekdal tem conhecimento do esforço que os seus representantes têm feito para cumprir com as suas intenções, faltando apenas que chegue uma proposta formal ao Hamburgo. Os alemães, que neste momento estão na "cauda" da Bundesliga, somando apenas sete pontos em 10 jogos disputados, estão dispostos a negociar o sueco e compreendem a ambição de Ekdal em querer evoluir noutro patamar competitivo.

Tal como O JOGO noticiou, um eventual negócio poderá concretizar-se por uma verba entre os 3 e 4 milhões de euros. Recorde-se, também, que o médio termina contrato com o Hamburgo no final da próxima época - chegou à Alemanha em 2015.