Feddal: as conversas com William, Naybet e um silêncio sepulcral

Feddal: as conversas com William, Naybet e um silêncio sepulcral
Redação

Tópicos

Feddal agradece palavras de conselho de duas ex-figuras do Sporting e relata problemas de adaptação e solidão em Portugal

Feddal admite dificuldades na adaptação a Lisboa ao podcast "ADN de Leão". "Os primeiros dias foram difíceis porque mudas tudo. Estou em casa sozinho, não falo com ninguém, mas no balneário tento aprender o português. Para mim é complicado", revela, agradecendo palavras amigas: "No Bétis falei muito com William Carvalho sobre o Sporting, ele falou-me muito bem do clube. Para mim, toda a gente conhece o clube, tem grandes jogadores que saíram daqui, falam sempre de Cristiano Ronaldo e Figo. Sempre digo que foi um passo importante na minha carreira, porque este é um clube que quer sempre jogar na Europa e lutar pelo campeonato."

De seguida, conta que outro marroquino influente ajudou a decidir: "Naybet falou comigo, ligou-me quando soube que vinha para aqui. Disse-me que os adeptos precisam do melhor do jogador e que se tu estás bem eles dão tudo. Para mim, Naybet é o melhor jogador da história de Marrocos. Ajudou-me muito na seleção, quando tive momentos difíceis."