"Críticas? Normal. Disse aos jogadores para verem o jogo, sem som"

"Críticas? Normal. Disse aos jogadores para verem o jogo, sem som"

Declarações de Rúben Amorim, treinador do Sporting, na conferência de antevisão à visita ao Estoril, este domingo, às 20h30, a contar para a sexta jornada da Liga Bwin.

Derrota com o Ajax: "Não leio, não sei das críticas. Mas é normal, uma equipa que perde 5-1, que joga num clube grande, temos que estar habituados a essas críticas. Disse aos jogadores para verem o jogo, verem onde falharam, sem som, porque é mais fácil. Por mais que digamos que não somos influenciados, somos sempre, para um lado ou para outro. Portanto, disse para verem o jogo. Eles viram e falámos sobre isso. Foi um resultado muito mau, havia uma grande ilusão, agora é seguir em frente e ganhar o próximo, porque o mais importante agora é o campeonato".

Lesionados: "O Tiago Tomás entrou na última partida, não teve nenhuma recaída... Está para jogo. O Inácio não está neste jogo, nem me parece que esteja no próximo. Ainda vai demorar um bocadinho. E o Pote também não está. Ele ainda nem começou no campo, portanto não começando no campo... Nós temos muito cuidado com os jogadores. Não aceleramos nada. São miúdos novos e precisamos deles, precisamos que estejam no seu melhor. Estarão outros preparados."