Amorim elogia João Pereira, revela capitão do próximo jogo e diz: "Pedi ao Coates"

Amorim elogia João Pereira, revela capitão do próximo jogo e diz: "Pedi ao Coates"
Mónica Santos

Tópicos

Treinador do Sporting teceu elogios à postura do experiente lateral e explicou que, no derradeiro jogo da época, vai dar a braçadeira a Antunes.

Mesmo com Coates titular, foi João Pereira que, no dérbi entre Benfica e Sporting (4-3), envergou a braçadeira dos leões.

Titular face à ausência de Pedro Porro, por lesão, o experiente internacional português recebeu elogios de Rúben Amorim na conferência de imprensa pós-jogo e o treinador até revelou que, na última jornada, frente ao Marítimo, será a vez de Antunes capitanear a equipa.

"Temos ainda uma grande desvantagem, em termos de experiência, de anos de jogo a alto nível em relação aos nossos rivais, portanto, o que queremos fazer é crescer, ver as opções, aqui ou ali fazer o que fizemos com o João Pereira, alguém que nos deu muito durante a época; que soube o lugar dele; que, com muitos títulos, portou-se como um exemplo e eu acho que é mais importante do que o recorde. É mais importante o João Pereira ser capitão; é mais importante, no próximo jogo, o Antunes ser capitão do Sporting, porque pedi autorização ao Coates, é mesmo assim", começou por explicar Amorim, prosseguindo: "Eu sou treinador da equipa, sou responsável, mas o capitão é o Coates. Eu perguntei-lhe, ele é o primeiro a dar e isso, todos esses pormenores, toda a segunda parte, revelam o coração desta equipa. O que eles não tiveram, hoje, foi a ajuda do treinador, na primeira parte. Agora, demonstraram sempre um grande coração e temos muito para crescer, muito para trabalhar, porque no próximo ano vai ser muito difícil", rematou o técnico do Sporting.