Polémica sem fim à vista: AG da Sporting SAD pode acabar no tribunal

Polémica sem fim à vista: AG da Sporting SAD pode acabar no tribunal

Carlos Vieira pondera processar Francisco Salgado Zenha, Sporting contrapõe com relatório da auditora PWC

Prossegue a polémica em torno da AG de acionistas da SAD do Sporting que decorreu na passada terça-feira e se prolongou até à madrugada de quarta.

Agora é Carlos Vieira, responsável financeiro da anterior administração, presidida por Bruno de Carvalho, a revelar estar a ponderar apresentar uma queixa-crime de Francisco Salgado Zenha, administrador que exerce as mesmas funções no elenco presidido por Frederico Varandas.

Em causa estará uma alegada acusação do atual responsável financeiro da sociedade que gere o futebol dos leões à anterior administração de responsabilidade no ataque à Academia e consequente rescisão unilateral de contrato de nove jogadores. A comunicação foi feita numa mensagem no Facebook que pode ler na íntegra aqui.

Por seu turno, o Sporting fez saber que o administrador Salgado Zenha se recusou a aceitar correções de quem considerava ter estado ligado ao período mais negro da história do Sporting, sustentando-se para tal no comunicado da auditora PWC à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) a 18 de junho de 2018.