"Mau estado do relvado faz parecer um jogo de inverno"

"Mau estado do relvado faz parecer um jogo de inverno"

José Gomes, treinador do Rio Ave, lamenta posse de bola sem golos e um relvado sem condições em Santa Maria da Feira

Posse de bola: "Preparámo-nos para vencer e não conseguimos, e este não era o arranque que pretendíamos na I Liga. Acho que foi um jogo não muito bem jogado e, apesar de termos 65 por cento de posse de bola, não conseguimos traduzir em golo essa supremacia."

O relvado: "Este foi um jogo típico deste estádio, mas o mau estado do relvado faz parecer um jogo de inverno. Alerto os responsáveis para o facto de quando o inverno chegar, o relvado deste estádio vai estar impraticável. Viemos ver o jogo do Feirense com o Leixões para a Taça da Liga e já tínhamos percebido como estava o relvado. Soubemos que tentaram tudo para melhorar o seu estado, mas não foi possível."

Perdas de tempo: "Em relação às perdas de tempo, o adversário está a vencer, o tempo passa, e por isso as probabilidades de continuar em vantagem são maiores. Ainda não temos cronómetro na mesa, como em outras modalidades, e só o árbitro pode contrariar as situações de perda de tempo".