Toni Martínez urgente no FC Porto e a pressionar mudança para o Dragão

Toni Martínez urgente no FC Porto e a pressionar mudança para o Dragão
André Morais

Tópicos

Evanilson está a fazer trabalho condicionado, Zé Luís cada vez mais próximo de sair e restam apenas Marega e Taremi para um esquema que, muitas vezes, exige dois avançados e outros no banco.

Com Aboubakar oficializado pelo Besiktas, Soares também confirmado na China e Zé Luís a caminho do Fenerbahçe, a contratação de Toni Martínez ganha urgência e esta deve ser, finalmente, a semana decisiva.

O próprio jogador, sabe O JOGO, está a pressionar nesse sentido e tem vincado a vontade de deixar o Famalicão e juntar-se ao FC Porto, clube onde quer jogar e no qual pensava, por esta altura, já ter sido oficializado. O acordo em relação ao valor a pagar pelo FC Porto (entre os 3 e os 3,5 milhões de euros) está acordado há mais de duas semanas, mas faltam pormenores relativos à forma de pagamento e outras burocracias que envolvem os dois clubes e a representação do espanhol de 23 anos.

Toni Martínez ainda vai a jogo esta segunda-feira, em casa do Belenenses. João Pedro Sousa tem reafirmado que conta com ele enquanto a transferência não for oficializada, mas hoje deve mesmo ser a despedida, até porque, como referimos, o próprio jogador tem feito força no sentido de ver resolvida a sua situação em definitivo e poder concentrar-se, apenas, no trabalho.

Sérgio Conceição quer fechar o grupo o quanto antes e precisa de mais um avançado. É que Evanilson apresentou problemas físicos na véspera do jogo no Bessa e no domingo, no regresso ao trabalho, só fez treino condicionado. Isso significa, portanto, que o treinador dispõe apenas de Marega e Taremi para o eixo do ataque. Nestas circunstâncias, se quiser utilizar os dois, ficará sem nenhum suplente para a posição, o que naturalmente não lhe agrada. Além disso, mesmo com Evanilson recuperado, Toni Martínez tem do seu lado a vantagem de já conhecer o futebol europeu e ter uma época completa na I Liga, o que facilitará o encaixe na equipa.