"Tenho fé que alguma coisa vai acontecer, seja ficando no FC Porto ou saindo"

"Tenho fé que alguma coisa vai acontecer, seja ficando no FC Porto ou saindo"
Carlos Gouveia

Tópicos

Corona admite renovar contrato com o FC Porto, mas não fecha as portas à saída já neste defeso.

Corona é um dos jogadores mais apetecíveis do FC Porto no atual mercado de transferências. Não só pela sua qualidade, mas também por estar prestes a entrar no último ano de contrato e de a sua cláusula de rescisão ser, durante o mês de junho, de apenas 25 milhões de euros.

Sevilha e Fiorentina são os clubes que mais insistentemente têm sido apontados ao mexicano que, numa entrevista ao "Mediotiempo" abriu as portas da saída, mas também da renovação.

No fundo, o extremo diz que só quer ser feliz, seja continuando no FC Porto, seja procurando um novo destino para a sua carreira. "Tenho fé de que alguma coisa vai acontecer, seja ficando no FC Porto ou saindo, quero continuar a trabalhar bem e a continuar a deixar o nome do México bem alto e o meu próprio nome também. Quero que me reconheçam como jogador. Por enquanto, estou concentrado na seleção e sinto que, se trabalhar bem, no final pode surgir algo bom para o meu futuro e o da minha família", referiu o jogador mais antigo do FC Porto.

De acordo com aquele jornal mexicano, os responsáveis portistas já tiveram uma primeira conversa com Corona no sentido da renovação do contrato que termina em junho de 2022. Este dá a entender que poderá continuar, caso as suas condições sejam melhoradas. "Seja no FC Porto ou onde for, renovando ou não renovando e saindo, quero estar feliz e que a minha família esteja feliz. Logo se verá", vincou o extremo, que no voltou à competição na madrugada de segunda-feira [derrota do México com os Estados Unidos], depois de dois meses a recuperar de lesão.

Entretanto, esta quinta-feira, Monchi, diretor desportivo do Sevilha, elogiou o Tecatito na praça pública: "O Corona é um grande jogador do FC Porto e que já trabalhou com o Julen Lopetegui, nosso treinador. Foi nomeado melhor jogador do campeonato português na época 2019/20. Não posso acrescentar muito ao que já sabemos. É um jogador de um nível altíssimo e tem de ser alvo de acompanhamento. Mas isso não significa que venha para o Sevilha já amanhã", assinalou o dirigente espanhol em declarações ao canal televisivo Imagen Televisión, do México.