Sérgio e a estratégia do FC Porto: "Depois da derrota vou dizer que foi fantástica?"

Sérgio e a estratégia do FC Porto: "Depois da derrota vou dizer que foi fantástica?"

Treinador do FC Porto comentou a derrota frente ao Rangers, por 2-0, em jogo da quarta jornada da fase de grupos da Liga Europa.

Análise: "Entrámos bem no jogo, entrámos de forma diferente do que o adversário estava à espera, para tentar condicionar a linha média no que é a dinâmica ofensiva do adversário. Tivemos algumas ocasiões na primeira parte, podíamos ter sido mais incisivos. Foi um jogo muito equilibrado na primeira parte, sem grandes oportunidades de parte a parte, mas sentimos que estávamos algo confortáveis para arriscar na segunda parte. Aconteceu a lesão do Pepe, mesmo assim tivemos situações em que podíamos, mais uma vez, junto da baliza, ter rematado com convicção, não esperar tanto tempo".

Penálti e futuro na Liga Europa: "Depois há o lance que me parece penálti e na jogada seguinte sofremos o golo, o que galvanizou o adversário. Temos quatro pontos, os nossos adversários têm sete, só dependemos de nós. Temos de preparar bem, a seu tempo, a Liga Europa, mas agora termos de pensar no jogo de domingo, que é bastante importante".

Estratégia foi a melhor? "O que acha? Depois da derrota vou dizer que foi fantástica? Quando perdemos 2-0 a estratégia nunca é boa, o treinador é sempre o culpado".

O que pretendia com o sistema apresentado? "Pretendia que houvesse segurança no corredor central. Os alas do Rangers jogam muito por dentro, pretendia quebrar dinâmica do adversário também na largura, com Alex Telles e Manafá.

Desempenho aquém das expectativas? "Claro. Temos quatro pontos, claro que está".

O que vai dizer aos jogadores? "É comigo e com eles".